31 de agosto de 2017 02:25

Salvador tem o menor índice de fumantes

Cidade é última no ranking entre as capitais

Por Redação

tabagismoO Dia Nacional de Combate ao Fumo, celebrado na última terça-feira (29), foi de muita comemoração para Salvador. Isso porque a cidade prossegue com o menor percentual de tabagistas entre as capitais brasileiras – a incidência é de 5,2% da população acima de 18 anos que fazem uso de cigarro, conforme último levantamento da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Um dos motivos para o baixo consumo de tabaco na capital baiana é o intenso trabalho realizado pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS) através do Programa Municipal de Controle do Tabagismo (PMCT). Somente no ano passado, foram mais de 1,5 mil pacientes tratados nas unidades de referência da rede.

“O Brasil é um dos países da América Latina que mais vestem a camisa do antitabagismo, embora tenhamos uma indústria de cigarros que atua muito forte. Mesmo com toda a legislação, o programa de controle do tabagismo que é realizado aqui em Salvador é a porta de entrada para quem deseja parar de fumar. A iniciativa disponibiliza medicamentos que possuem custos elevados para quem precisa, mas isso só não é o suficiente. Há todo um acompanhamento com psicólogos, enfermeiras, médicos, assistentes sociais e odontólogos especializados para ajudá-los nesse tratamento”, explica a técnica em Doenças Crônicas e Tabagismo, Carla Germiniana.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*