19 de agosto de 2016 16:18

Profissionais com deficiência esbarram em dificuldades no mercado de trabalho, revela pesquisa

Resultados serão apresentados durante o CONARH

Por Redação

Falta de oportunidade, baixos salários e ausência de plano de carreira. Estas foram as principais dificuldades encontradas pelos profissionais com deficiência no mercado de trabalho e detectadas em levantamento inédito da VAGAS.com e Talento Incluir.

O estudo Inclusão Sustentável foi realizado de 31 de maio a 13 de junho deste ano por e-mail para uma amostra de pessoas com deficiência da base de currículos cadastrados no portal de carreira VAGAS.com.br. A pesquisa será apresentada durante o CONARH (42º Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas), realizado de 15 a 18 de agosto no Transamérica Expo Center, em São Paulo.

O objetivo da pesquisa era entender quais as dificuldades que esse público enfrenta no mercado de trabalho e como é a relação deles com o RH e as empresas. Os 4319 respondentes são, em sua maioria, homens (62%), solteiros (51%), não possuem filhos (56%) e estão empregados (52%). Do total de participantes, 58% afirmaram possuir deficiência física, 26% auditiva, 19% visual, 7% intelectual e 9% pessoas reabilitadas pelo INSS.

A maioria dos respondentes (62%) revelou que enfrenta algum tipo de dificuldade no mercado de trabalho. Entre as mais mencionadas, figuraram falta de oportunidades para o perfil profissional (66%), baixos salários (40%), ausência de plano de carreira (38%) e falta de acessibilidade (16%).

“Os três principais aspectos levantados mostram que as pessoas com deficiência almejam melhores condições de desenvolvimento profissional no mercado de trabalho, ficando à frente da questão de falta de acessibilidade”, avalia Rafael Urbano, coordenador da pesquisa.

Ascom

 

 

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*