14 de março de 2017 02:06

Porto de Salvador recebe cerca de 5 mil turistas

Temporada de cruzeiros aquece turismo baiano

Por Redação

porto-salvadorA temporada de cruzeiros continua aquecendo o turismo na capital baiana. Apenas esta semana, três navios atracarão no Porto Marítimo e trarão mais de 5 mil visitantes. A primeira embarcação a chegar a Salvador neste período será o MSC Preziosa. Com capacidade para 4.363 pessoas, o navio chega nesta terça-feira (14). Já o Le Soleal trará cerca de 260 visitantes na quarta-feira (15), e o Cristal Serenity, que atraca na próxima sexta-feira (17), trará 1.070 turistas. Os visitantes serão recepcionados por um monitor bilíngue para tirar dúvidas e apresentar roteiros turísticos.

“Temos o roteiro tradicional do Centro Histórico que, com suas igrejas e ladeiras, possui muita força junto ao público. Outra opção é a Península de Itapagipe, com as praias da Boa Viagem, a visita à Basílica do Bonfim, Monte Serrat e à nova orla da Ribeira. Ainda naquela região, é possível desfrutar de um roteiro religioso, visitando o Memorial Irmã Dulce e a Colina Sagrada”, indica o secretário municipal de Cultura e Turismo, Claudio Tinoco.

Para quem vai ficar um pouco mais na cidade, como os passageiros do Cristal Serenity, visitas aos Fortes Santa Maria e São Diogo, localizados na Barra, e a Casa do Rio Vermelho – Jorge Amado e Zélia Gattai, também são recomendadas. Os fortes estão abertos de quarta a segunda, inclusive feriados, das 11h às 19h. O ingresso, com direito a ambos, custa R$20 (inteira). A visitação é gratuita às quartas-feiras. Já a Casa do Rio Vermelho funciona de terça a domingo, das 10h às 17h, incluindo feriados, com custo de R$20 (inteira). Ás quartas-feiras, a visitação é gratuita para os três espaços.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*