10 de junho de 2017 15:31

Ouvindo Nosso Bairro contará com votação de obras

Prefeitura lança aplicativo para população

Por Redação

ouvindo-nosso-bairro-1Depois do sucesso da primeira edição, um dos maiores programas de consulta popular de Salvador voltará à ativa com novidades para a população. O decreto que institui e dá o pontapé para a realização do Ouvindo Nosso Bairro 2017 foi assinado pelo prefeito ACM Neto em cerimônia realizada nesta sexta-feira (9), na Praça João Mangabeira, nos Barris. Na ocasião, também foi anunciado pelo prefeito o encaminhamento de dois projetos de lei à Câmara de Vereadores. Um deles determina a divisão de Salvador em 163 bairros, com previsão de revisão do tema em 2020. Já o outro projeto deverá instituir o Ouvindo Nosso Bairro como programa municipal, a ser realizado a cada dois anos.

O prefeito lembrou a história da criação e os frutos gerados pelo Ouvindo Nosso Bairro, pontuando também a importância da participação popular na aplicação dos recursos municipais. “Há quatro anos, Salvador não possuía ainda um sistema de consulta que pudesse extrair verdadeiramente a vontade do cidadão, que pudesse indicar a necessidade das comunidades. Quando foi lançado o Salvador Bairro a Bairro em 2015, fruto do Ouvindo Nosso Bairro, foi considerada uma loucura o anúncio da realização de 1 mil obras. Em menos de dois anos, conseguimos realizar 1,3 mil intervenções com R$560 milhões em recursos próprios. Isso mostra que a Prefeitura se preparou e que possui uma gestão transparente e que se preocupa com as necessidades do cidadão.”

Os detalhes da nova edição da consulta popular foram apresentados pelo diretor-geral das Prefeituras-Bairro e coordenador-geral da iniciativa, Júnior Magalhães, com as presenças do vice-prefeito, Bruno Reis; do chefe de Gabinete, João Roma; do ouvidor-geral do Município, Humberto Viana; demais secretários e técnicos municipais, vereadores, lideranças comunitárias e população. Com duração de quatro meses, o programa contará com mudanças que vão agilizar ainda mais as obras e intervenções demandas pelos moradores. Ao contrário dos encontros presenciais, realizados em 2015, o cidadão escolherá, por meio eletrônico, as obras a serem realizadas no bairro onde mora.

A ferramenta Ouvindo Nosso Bairro poderá ser acessada de três maneiras, a partir do dia 3 de julho, início das votações. Uma delas é a página da internet, no endereço www.ouvindonossobairro.salvador.ba.gov.br. Outra opção é baixar o aplicativo do programa no celular ou tablet, disponível nas plataformas Android e iOS. A terceira alternativa corresponde aos totens para votação, a serem implantados nas unidades das Prefeituras-Bairro e em locais de grande circulação, a exemplo das estações de transbordo e metrô. A tecnologia foi desenvolvida pela Companhia de Governança Eletrônica do Salvador (Cogel).

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*