25 de julho de 2017 20:03

Financial Times elogia programa da Prefeitura

Nota falou sobre a requalificação do Pelourinho

Por Redação

bxk9360_pelourinho-salvador-por-eliomar-ribeiro800Principal jornal de economia do mundo, o Financial Times publicou nesta sexta-feira (21), em sua edição de final de semana, uma ampla reportagem com elogios ao programa da Prefeitura de revitalizar o centro antigo de Salvador e outras áreas da cidade. Assinado por Paul Richardson, o texto resgata a requalificação do Pelourinho realizada na terceira administração do governador Antonio Carlos Magalhães e cita as melhorias urbanas que estão mudando o perfil da primeira capital brasileira. “No entanto, um novo capítulo de melhorias urbanas está em andamento em Salvador e, por capricho do destino, é o neto de ACM, também chamado Antonio Carlos Magalhães, o prefeito da cidade, que está fazendo as mudanças”, diz o texto.

Na sequência, o jornalista ressalta a popularidade de ACM Neto e acrescenta que o gestor garantiu US$ 105 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para reposicionar Salvador como o centro cultural latino-americano. A reportagem também fala sobre o Museu da Música, obra que a Prefeitura vai realizar em um casarão localizado no Comércio, nas imediações do Mercado Modelo. “Um museu de música, bastante lógico na terra de Caetano Veloso, Gilberto Gil e Dorival Caymmi, ocupará um palácio abandonado no Comércio.

Neste sábado, antes de entregar à comunidade de Luiz Anselmo uma proteção em geomanta, o prefeito comentou a reportagem do Financial Times. “Esta é uma notícia fantástica pois mostra que, com o trabalho de recuperação da imagem da cidade, estamos reconquistando o espaço que sempre foi de Salvador, ou seja, uma cidade atraente para seus moradores e turistas, uma cidade com história, cultura e arte inigualáveis”, disse o prefeito. ACM Neto também lembrou que, além do amplo programa de revitalização do centro de Salvador, a Prefeitura também atua em outras frentes. “A requalificação da orla, a entrega da Casa de Jorge Amado e Zélia Gattai, os museus que abrigam as obras de Carybé e Pierre Verger, só para citar alguns exemplos, demonstram que a Prefeitura tem um olhar diferenciado para a cultura e para a atração de turistas”, concluiu Neto.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*