18 de agosto de 2016 11:22

Planos de saúde perdem clientes pelo 13º mês consecutivo

Especialista aponta que queda é reflexo do ambiente econômico

Por Redação

O setor de saúde suplementar (operadoras de planos de saúde) fechou o mês de julho com um número menor de clientes. Pelo 13º mês consecutivo, segundo a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar). A queda foi de 0,32% – de 48,51 milhões de beneficiários para 48,35 milhões. No acumulado dos últimos doze meses, o setor perdeu 1,77 milhão de clientes.

Este desempenho negativo do setor não chega a surpreender, pois reflete a situação econômica do País. Como explica a advogada especializada em saúde, Rosana Chiavassa “com o índice de desemprego nas alturas (de 11,2% no último trimestre), as famílias estão abrindo mão de alguns itens para equilibrar seus orçamentos”, explica a advogada.

Ela lembra, no entanto, que mesmo diante deste quadro difícil, a ANS autorizou um reajuste de 13,57% para os planos de saúde individual e familiar, percentual bem acima da inflação. “Não é por acaso que temos esta debandada expressiva de clientes. Parece que os burocratas de Brasília estão desconectados do Brasil real”, acrescenta.

 

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*