24 de julho de 2017 18:42

Série inédita tem narração de Ricardo Boechat

Cena do primeiro episódio que retrata as ilhas 

Por Redação

untitledVencedora de quatro prêmios Emmy, Planeta Terra (2006) redefiniu em sua época a filmografia de história natural ao introduzir novas técnicas e registrar a riqueza da vida selvagem de maneira tão completa quanto emocionante.
Uma década depois, o Discovery traz aos seus assinantes a nova superprodução PLANETA TERRA II (Planet Earth II), com estreia no domingo, 6 de agosto, às 21h30, e narração em português do jornalista Ricardo Boechat. A série terá reexibição toda quinta-feira seguinte às 19h50. Desta vez, a série expande as possibilidades do conteúdo televisivo ao revelar as particularidades da fauna nos mais variados ecossistemas a partir da perspectiva dos próprios animais e em imagens gravadas inteiramente em UHD (ultra-alta definição).

“É um orgulho trazer de forma inédita para o Brasil um conteúdo desta dimensão, que leva os documentários de natureza a outro patamar, especialmente com a narração do Ricardo Boechat, que traz à série ainda mais emoção e um sabor local. É a oportunidade de lançar um olhar às curiosidades e maravilhas do mundo a partir da janela da nossa casa, diz Monica Pimentel, VP de Conteúdo da Discovery Networks Brasil.

Utilizando a mais avançada tecnologia para registro audiovisual, a série percorre o mundo em seis episódios de uma hora de duração. Entre os destinos está o cerrado brasileiro, onde as lentes acompanham a vida do tamanduá-bandeira. Drones e equipamentos de estabilização das imagens desenvolvidos especialmente para a produção chegaram a áreas inexploradas e registraram o esplendor de paisagens preservadas, rincões onde as espécies seguem seu percurso evolutivo e travam batalhas pela sobrevivência. A cada semana, um desses biomas será o tema da série, cuja produção levou anos de trabalho intenso.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*